Header Ads

Nineteen, Twenty-One

Por causa de um acidente, a garota perde dois importantes anos de sua vida. Ela tenta seguir em frente, mas percebe que não se encaixa mais no mundo.
Mídia: manhwa
Publicação: 2010
Volumes: 1
Autor: Yu Han (roteiro), Kim Hye-Jin (arte)
Demografia: Shoujo
Gêneros: slice of life, romance, drama

Sinopse: Yun-lee sofreu um acidente aos 19 anos e com isso perdeu dois anos de sua vida. Agora, aos 21, ela tenta retornar a sua vida cotidiana, mas ela se sente deslocada e isso a deixa infeliz. Em suas andanças pela cidade, acaba conhecendo um rapaz que parece ter o que ela perdeu.

Yun-Lee e Dong-Whi
Comentários: Meu primeiro Manhwa (quadrinho coreano)! Admito que tinha momentos em que confundia e lia os quadros invertidos, já que a leitura é similar ao ocidental. Também estranhei todas as páginas coloridas, coisa bastante comum em mangás coreanos, mas raro em mangás japoneses, ao menos eu nunca vi nenhum onde todas as páginas eram. Apesar dessa estranheza, achei bem bonito, a colorização é caprichada com um leve ar aquarelado.

A história é bem curta e o traço é bem bonito. É um pouco estranho no começo porque diferente dos quadrinhos americanos e japoneses tem-se pouquíssimos quadros por página, além disso, os quadros se dividem entre não trazem muitas informações e os cenários só recebem destaque quando são o foco da narrativa, ou trazerem muitas informações, o que te faz gastar um tempo acompanhando cada detalhe.

A história é simples, trata principalmente da transição para a vida adulta, com várias reflexões sobre crescer e se tornar responsável, usando um grupo de gatos de rua para fazer várias analogias e unir os protagonistas. O romance se desenvolve lentamente, Yun-Lee é bastante insegura devido ao tempo que perdeu e o doce e gentil Ju Dong-Whi, deixa que ela dite o ritmo do envolvimento deles, ou seja, passos de tartaruga, mas mesmo assim você aprecia, pois dá para curtir cada minucia do relacionamento deles.

Vale a pena? A história não é inesquecível, mas é bem interessante. Por se tratar de uma obra curta (tem só um volume) serve para matar o tempo.

Onde encontrar: Em inglês (online)

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.