Header Ads

Watashitachi no Shiawase na Jikan

Garota tem um grande trauma de infância que não consegue superar e tenta o suicídio, mas após um tempo no hospital. é convencida por sua tia, uma freira, a ver o mundo com outros olhos.

Mídia: mangá
Publicação: 2008
Volumes: 1
Autor: Yumeka Sumono
Demografia: Seinen
Gêneros: Drama, Psicológico

Sinopse: Juri é uma jovem pianista que após sua terceira tentativa de suicídio passa acompanhar sua tia, uma freira, em visitas a presidiários no corredor da morte. É lá onde ela conhece Yuu, um jovem que matou três pessoas e espera sua condenação. Ao se aproximar do garoto, descobre que não é apenas a sua vida que está mergulhada na escuridão e que a vida pode lhe trazer mais felicidade do que esperava.

Juri e Yuu
Comentários: A história é uma adaptação de Maundy Thusday da autora sul-coreana Gong Ji-Young e é bem triste e pesada. Juri tem um passado terrível e é negligenciada pela mãe que considera seu trauma uma “frescura”. Seu único apoio é sua tia Monica, uma freira que visita presidiários e a única que parece preocupada com a moça.

Yuu, enquanto isso, amarga as coisas que fez no passado e não vê nenhuma salvação para sua alma, até conhecer Juri. Apesar da dor que cada um carrega e de enfrentarem-na de forma diferente, os dois acabam se aproximando, e mostrando coisas boas um ao outro.

Com o desenrolar da história, o passado de Yuu é explicado, mas embora atenue as atitudes que ele tomou, o objetivo da história não é inocentar ninguém, mas mostrar como coisas horríveis podem acontecer com qualquer um e que cada pessoa tem seu jeito de seguir em frente, ou não seguir, como o caso de Juri.

O traço é bem bonito, com vários quadros grandes e enquadramentos diferenciados. A autora brinca muito com o contraste entre o preto e branco para demonstrar as emoções dos personagens.

Vale a pena? Apesar de curto, a leitura deveria ser obrigatória. A história acaba te envolvendo e mesmo os personagens que mal aparecem, como a tia Monica e o guarda que cuida de Yuu têm suas motivações e passado destrinchado.

Onde encontrar: Pode ser encontrado em português na Otakuyo e inglês online.

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.