Header Ads

Resumo da Semana #36

Resumo da Semana chegando em plena segundona porque fui ao Anime Friends e voltei só o pó. Perdoem meu relaxo, mas eu não tinha condições de fazer um post minimamente decente. Sem mais delongas (não tem Enen porque não deu tempo de ler)...


  • Bleach #682

Gente qual é desa espada do Ichigo? Vai ficar quebrando e se reconstruindo? Enfim, gostei da parte do Uryuu e me pergunto se os pais deles vão fazer algo ou ficar lá só vendo os filhos se foderem. A parte do Renji também foi bem interessante, é legal ver a amizade que se formou entre ele e o Ichigo.


  • Nanatsu no Taizai #184

Fazia algumas semanas que eu não lia  NnT, a trama deu uma boa avançada. Foi interessante ver o passado da Elizabeth com o Meliodas e descobrir mais sobre o passado do cara. Do outro lado temos Ban e Escanor contra o Estarrosa. Ok, o Ban não fez nada, mas Escanor tem tudo para fazer uma luta lindona.

  • Magi #313

Arba sua quenga desgracenta, essa viada não vai morrer nunca? É lógico que ela ia tentar algo, mas ver Hakuryuu sambar na cara dela foi lindo (e cada vez mais ele e o Alibaba tem coisas em comum como o lance do Ruhk misto). E finalmente Aladdin e Alibaba se encontraram e que lindo que foi. Morgiana ficou meio sobrando, o Alibaba não sabe lidar com ela. E aquele reencontro dele com o Hakuryuu foi muito emocionante, deu até aquela vontadinha de chorar com aqueles finais felizes.

  • Super Secret #35

A scan que traduziu deu uma boa avançada na trama, e até comecei a simpatizar mais com o namoradinho da Eunho. Mas eu ainda acho que a trama anda meio devagar em alguns aspectos. Seria legal se tivesse mais foco nas irmãs do Gyeonwo.


  • ReLife #136

Um pouco mais sobre o passado da Hishino. Ela é o tipo que se qualifica como competente demais e não consegue interagir com outras pessoas querendo assumir todas as responsabilidades para si. E para variar, a dupla Yoake e Onoya surgem para empatar a foda, tem horas que eu os amo, mas tem outras que odeio. Para piorar, a grana do festival sumiu, prevejo a culpa caindo sobre a garota e Kaizaki assumindo a responsabilidade para si.


  • D. Gray-Man #223

Desde que DGM ficou nesses hiatus bagunçado eu venho entendendo quase nada da história. Essa parte do Nea e do Mana ainda me muito estranha e perdida. Mas enfim, Noah tomou o corpo do Allen e agora o garoto está meio que preso nas memórias dele e precisa chegar até a mansão para descobrir a verdade. Fora que 20 páginas depois de 4 meses, porra Hoshino!


  • Kono Oto Tomare! #46

E as preliminares para os nacionais. Eu gosto muito como a autora mostra as ambições e medos mesmo dos personagens secundários, sem ficar focado só no grupo principal. Talvez isso acabe sendo algo negativo, já que o trio de amigos do Chika acabam ficando um pouco de lado, mas tenho quase certeza que eles vão ter um pouco mais de foco.


  • Ojojojo #35

Ojojojo sempre tem capítulos bem leves e engraçados, por isso fiquei surpresa que esse capítulo teve uma abordagem diferente, falando um pouco dos sentimentos da Tendou pelo Chris e o passado do guarda-costas com a família Jigokumeguri. Bem interessante ver as coisas pela ótica dele.

  • 19 Days # 170

Old Xian como você pode fazer isso com os leitores? Esses dois últimos capítulos foram a coisa mais owwww da vida. Zhang Xi alega não ter sentimentos pelo Jian Yi, mas ele é muito mais protetor e companheiro do que se esperava. "Eu quero ficar mais forte para te proteger <3". Já o lado He Tian e o red hair, começou sério e terminou super zoeira, a interação entre eles é bem exótica, mas é bastante divertida.

  • I Became the Class Representative #3

Mangá novo! Tem jeito de um shoujo romântico bem bobinho sobre um garoto que se torna representante de sala por acaso, após ser sacaneada pelos amigos, mas acaba criando afinidade com a garota com divide o cargo. Eu ainda não descobri bem se é japonês (presumo que seja pelo nome), mas deve ser webtoon porque não achei quase informação alguma na net.


  • Hidamari ga Kikoeru

Completo. Shounen-ai super hyper mega fofo que me deixou um pouco irritada com a lerdeza do Taichi, mas mesmo assim amei a fofura arcoirica da história. A trama gira em torno de Taichi e Kouhei, que se conhecem por acaso e acabam se ajudando nas necessidades um do outro, aos poucos eles se tornam amigos e essa amizade acaba evoluindo, mas nenhum deles sabe realmente lidar com o que sente. 

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.